Posso dizer que o medo, aquele advindo dos recônditos da mente, é bem interessante, parece que conecta a gente com algo novo, uma parte estranha de nós. O lugar não é confortável, às vezes, a gente põe a almofada na frente dos olhos, vai anulando as cenas com um olho aberto e outro fechado. Assim, eu quero compartilhar com vocês uma lista com algumas séries que jogam com os medos, o grotesco, os mitos. Para você que curte uma horror story.

 588bed_101e20f452c64b15b328c040301cba82-mv2

1. Penny Dreadful

Já falei dela aqui. Medo e literatura de horror, as menções são inúmeras: “O médico e o monstro”, “Frankenstein”, “O retrato de Dorian Gray”, etc. Neste momento, está passando a terceira temporada.

2. Outcast

 Do mesmo produtor de The Walking Dead, a série tem apenas alguns episódios, pois estreou neste mês. Eu vi apenas o primeiro episódio, mas o produtor já deixou uma marca. Já deu para sentir que o nível de medo é pesado, as primeiras cenas de possessão já mostram uma menção ao antológico “Exorcista”. Como sou fã de TWD, dos personagens brilhantes que Kirkman cria, acho que esta série alcançará boas críticas.

3. American Horror Story

 Confesso que achei um pouco fraca, e não me interessei para acompanhar, porém, como a série tem várias temporadas, vale a pena conferir. Há alguns lugares comuns, como o uso de um cachorrinho fofinho, que pode morrer a qualquer momento – algo para causar uma agonia no telespectador -, o típico serial killer com problemas psicológicos e segredos íntimos, no tom de “Pânico”, (trilogia do assassino da máscara), entre outros.

4. Lizzie Borden Chronicles

Esta série é mais para quem curte um protagonista psicopata, daqueles que mata gente rindo rsrsrsrsrs. Se você é da minha geração, vai lembrar de Christina Ricci e seu papel de menina esquisita que fazia amizade com um fantasma em “Gasparzinho”. Pois é, ela é a protagonista. O enredo é um pouco fraco, os personagens não são muito complexos, mas, pela atuação de Ricci, vale a pena.